Escondidinho de frango, a melhor receita

por Tatiana Zanardi
0 Comentário
Escondidinho de frango

A melhor receita de escondidinho de frango

Qual a diferença entre fricassê e escondidinho de frango? Muita gente às vezes confunde o fricassê  e o escondidinho de frango. Por isso achei interessante mostrar aqui algumas diferenças: Preparo… Destaque escondidinho de frango European Imprima a receita
Serve: 4 Tempo total de preparo: Tempo de forno ou fogão:
Informações nutricionais 200 Calorias 20 grams Gordura
Avaliação 5.0/5
( 1 Notas )

Ingredientes

  • 500g de peito de frango desossado e sem pele
- 3 colheres de sopa de azeite de oliva
  • 1 cebola média, picada
  • 2 dentes de alho moídos
  • 1 lata de tomate pelado picado
  • 1 lata de milho verde, escorrido
  • 1/2 xícara de cheiro-verde picado (salsinha e cebolinha)
  • 1 colher de chá de tempero chimichurri
  • 1 colher de chá de tomilho
  • 500g de batatas, descascadas e cortadas em cubos pequenos
  • 1/2 xícara de leite
  • 2 colheres de sopa de manteiga
  • 300g de queijo mussarela em cubos pequenos
  • Batalha palha a gosto
  • Sal e pimenta a gosto

Modo de Preparo

Modo de preparo do frango

Corte o peito de frango em pedaços médios e cozinhe com um pouco de sal e o tomilho.

Retire os pedaços de frango cozidos e reserve a agua.

Coloque os pedaços de frango no liquidificador, em porções pequenas, e use a função pulsar para ir triturando o frango, de leve. Tente deixar na consistência de frango desfiado. Se necessário coloque um pouco da água do cozimento para facilitar o processo.

Em uma panela, aqueça o azeite e refogue a cebola e o alho até ficarem dourados. Acrescente o cheiro-verde e refogue.

Adicione o frango desfiado e refogue.

Acrescente o tomate picado, o chimichurri e cubra com a água do cozimento reservada. Tampe e deixe cozinhar em fogo baixo até a água secar.

Adicione o milho, misture e acrescente sal e pimenta do reino a gosto.

Desligue e deixe tampado reservado.

Modo de preparo do purê de batatas:

Cozinhe as batatas em água com sal até ficarem macias.

Escorra as batatas e amasse-as em uma tigela. Adicione o leite e a manteiga, mexendo bem até obter um purê cremoso. Tempere com sal a gosto.

Montagem:

Em um refratário, adicione a mistura do frango.

Coloque por cima os cubos de mussarela.

Espalhe o purê de batatas por cima.

Leve ao forno preaquecido a 200°C por aproximadamente 5 minutos, somente para derreter o queijo.

Retire do forno e cubra com batata palha.

Sirva com arroz, quinoa ou cuscus marroquino. É divino!!!

Qual a diferença entre fricassê e escondidinho de frango?

Muita gente às vezes confunde o fricassê  e o escondidinho de frango. Por isso achei interessante mostrar aqui algumas diferenças:

Preparo do Frango:

No fricassê, eu refogo o frango em um molho cremoso à base de creme de leite, requeijão ou molho branco. Para variar um pouco, eu desfio o frango ou corto em pedaços. De qualquer forma a consistência do molho é bem mais cremosa que o do escondidinho de frango.

No escondidinho, eu cozinho o frango, desfio e depois  misturo com ingredientes como molho de tomate, milho e ervilhas. Por essa razão o recheio é mais consistente e tem uma textura diferente da do fricassê.

Acompanhamentos:

Eu costumo servir o fricassê de frango com arroz branco e batata palha ou purê de batatas. Isso porque a textura é mais cremosa e precisa de um acompanhamento mais consistente.

A característica marcante do escondidinho é a camada de purê de batatas que cobre o recheio. Algumas receitas colocam uma camada de purê embaixo e outro em cima do frango. Eu prefiro somente em cima, para dar uma certa leveza no prato. Além do arroz, acho que dá para servir com quinoa ou cuscus marroquino como acompanhamentos.

Montagem:

No fricassê o frango e o molho são combinados. Não há camadas separadas como no escondidinho.

O escondidinho é montado em camadas em um refratário, com o recheio de frango na base e o purê de batatas no topo. Às vezes, queijo é adicionado por cima para gratinar. Porém, eu prefiro colocar somente uma camada de purê de batatas e caprichar no frango. Também gosto de colocar o queijo entre o frango e o purê pra dar o efeito surpresa do queijo derretido. E acima de tudo, a batata palha para dar crocância.

 

Comer escondidinho de frango é saudável?

Sim! O frango é uma fonte saudável de proteína magra e fornece uma variedade de nutrientes essenciais. Aqui estão alguns benefícios de incluir frango na dieta:

  1. Proteína de Alta Qualidade: O frango é uma excelente fonte de proteína de alta qualidade, essencial para a construção e reparo de tecidos musculares, o funcionamento do sistema imunológico e a produção de enzimas e hormônios.
  2. Baixo Teor de Gordura: A carne de frango, especialmente a parte sem pele, é uma opção de carne magra. Por isso tem menor teor de gordura saturada em comparação com algumas outras fontes de proteína animal.
  3. Vitaminas e Minerais: O frango contém vitaminas B, como niacina (B3) e vitamina B6, importantes para o metabolismo energético, a saúde do sistema nervoso e a formação de células vermelhas do sangue. Além disso, é uma boa fonte de minerais como fósforo e selênio.
  4. Ácidos Graxos Ômega-3: Embora em quantidades menores do que em peixes gordurosos, o frango também fornece ácidos graxos ômega-3, importantes para a saúde cardiovascular e cerebral.
  5. Versatilidade na Culinária: O frango é bastante versátil na culinária. Desta forma pode ser preparado de diversas maneiras, o que permite uma variedade de opções saudáveis.

É importante considerar o método de preparo. Cozinhar ou assar são métodos mais saudáveis em comparação com fritar, pois adicionam menos gordura ao prato. Também é essencial escolher ingredientes de qualidade que façam bem para saúde. Nesta receita de escondidinho de frango há diversos ingredientes super saudáveis.

 

Comer escondidinho de frango é sustentável?

A sustentabilidade na produção pode variar dependendo de diversos fatores, incluindo os métodos de criação, alimentação dos animais, práticas agrícolas e a gestão de resíduos. Considere os aspectos abaixo quando for comprar frango:

  1. Sistema de Criação: A produção de frango em sistemas de criação mais sustentáveis, como criação ao ar livre ou sistemas orgânicos, pode ser mais amigável ao meio ambiente do que a produção intensiva em confinamento. Sistemas que permitem que as aves expressem comportamentos naturais e tenham espaço adequado tendem a ser mais sustentáveis.
  2. Alimentação: A sustentabilidade também está relacionada à alimentação dos animais. Alimentos para aves produzidos localmente e a partir de fontes sustentáveis, como grãos orgânicos e não transgênicos, podem contribuir para uma produção de frango mais sustentável.
  3. Uso Responsável de Recursos: A gestão eficiente de recursos, como água e energia, na produção de frango é crucial para a sustentabilidade. Práticas que minimizam o desperdício e reduzem o consumo excessivo desses recursos são importantes.
  4. Impacto Ambiental: A produção de alimentos, incluindo frango, pode ter impactos ambientais significativos, como emissões de gases de efeito estufa, uso excessivo de água e poluição. Porém, práticas sustentáveis visam minimizar esses impactos, adotando tecnologias e métodos que reduzam a pegada ambiental.
  5. Resíduos e Subprodutos: O manejo adequado de resíduos, como esterco de frango, é uma parte crucial da sustentabilidade na produção avícola. A utilização responsável desses subprodutos pode incluir práticas como a produção de adubo orgânico.

Por isso recomendamos o consumo de frango orgânico.

Clique aqui e receba na sua casa o melhor frango orgânico. 

Você também pode gostar

Deixe um comentário